Josie’s Xmas Lights – A decoração de Natal mais bonita de Dublin

Em dezembro, a noite chega mais cedo por estas bandas. Por volta das 4:30pm, você olha pro colega e pergunta “tá vendo aquela lua que brilha lá no céu?” porque o sol já se pôs completamente e o breu tomou conta de tudo. As ruas ficam desertas e mais frias, até que você entra na Rathdrum Road, em Crumlin, Dublin 12. Estou falando da Josie’s Xmas Lights.

De longe, antes mesmo de virar a esquina, já é possível ver o clarão amarelo das luzes de natal da casa da Josie. Mesmo que a sensação térmica seja de -2ºC, seu coração se aquece e se enche de alegria (por mais clichê que isso soe).

Este ano, as luzes foram acesas no dia 01 de dezembro e hoje passei por lá para conferir. Em um golpe de sorte, enquanto tirava as fotos e fazia alguns vídeos curtos, duas filhas da Josie saíram de casa e pararam ao meu lado, enquanto mostravam a decoração para um bebê. A jornalista adormecida dentro de mim, acordou. Comecei a fazer perguntas atrás de perguntas, mas esqueci de confirmar justamente o nome delas. #atofalho 

Vamos aos fatos – Tudo começou há cerca de 30 anos. Josie, agora matriarca de uma grande família, é apaixonada por Natal e a cada ano aumenta seu arsenal de luzes piscantes e enfeites festivos. As duas novas aquisições de 2017 são dois quebra-nozes gigantes que guardam a porta de entrada. Atualmente, o trabalho de montar a decoração dura dois finais de semana inteiros e envolve todos os familiares.

Clique para ver Josie’s Xmas Lights em alta resolução

Há cinco anos, a Josie’s Xmas Lights coleta doações para diversas instituições de caridade. Em 2016, cerca de €4.500 foram arrecadados e doados para uma organização que atende moradores de rua. Este ano, a escolhida é a Shannon Hopeline.

A Shannon Hopeline foi criada em memória à Shannon Kelleher, que tirou sua vida aos 13 anos. Eles atuam com prevenção de suicídio e aconselhamento a jovens entre 10-23 anos, com o objetivo de trazer esperança, força e confiança a adolescentes.

Em 2012, a taxa de suicídio entre as adolescentes na Irlanda foi maior do que em qualquer estado da União Europeia, enquanto a taxa entre os jovens irlandeses era a segunda mais alta, conforme relatado pelo jornal irlandês Irish Examiner.

Ainda sobre o assunto: essa semana, foi divulgado um caso em que uma irlandesa de apenas 11 anos, insatisfeita com sua aparência física, cometeu suicídio em 2016. É de parar e pensar em tudo isso que estamos vivendo. Esse momento em que a pressão para se encaixar em certos padrõezinhos pode ser insuportável para quem está começando a ter uma maior percepção da própria imagem e personalidade.

Sendo assim, fiz esse post para mostrar muito mais do que as luzinhas de Natal. Que tal pegar o ônibus no fim de semana e ir fazer sua doação? O ônibus 150 passa pela Dame Street e para bem pertinho da Rathdrum Road.

Mais informações

Josie’s Xmas Light –  https://www.facebook.com/josiesxmaslights/

Deixe uma resposta